Todas as categorias Comece por aqui O Introcrim tem posicionamento político?

O Introcrim tem posicionamento político?

Por trabalharmos a partir da Criminologia Crítica, nossas manifestações não são apenas pautadas em dados científicos, mas também orientadas politicamente – nós não queremos apenas conhecer o mundo, como colecionadores de borboletas; nosso compromisso é com a transformação do mundo.

Por isso, nós não temos problema algum em informar que tomamos posição política constantemente – e nosso posicionamento é fundado, em grande medida, no pensamento de gigantes como Karl Marx e Friedrich Engels.

Nós estamos alinhados - pessoal e institucionalmente - à esquerda.

Temos como um de nossos valores basilares a transparência com nossa comunidade, o que incluí, evidentemente, uma clareza sobre os nossos pontos de partida e marcos teóricos. Por essa e outras razões, fazemos questão de deixar clara nossa fundamentação filosófica, já que ela terá consequências em nossas análises.

Isso não significa, entretanto, que todos os professores e professoras que colaboram com nosso projeto compartilhem de nossa orientação - muito menos que nossos alunos tenham de comungar com nossas bases e ideais. Temos muito prazer em conhecer debater posicionamentos distintos, desde que embasados em dados e construções lógicas sérias - a racionalidade é o critério último para qualquer manifestação ou debate em nossa instituição.

Por isso, convidamos todos e todas a participarem de nossos eventos, palestras, cursos e debates, pois entendemos que, enquanto pensadores livres, estamos necessariamente marcados pela falibilidade do nosso conhecimento e, portanto, abertos a novas ideias e sugestões.

Este artigo foi útil?